HOSPITAL DA GUINÉ, FOI REMODELADO, MAS AS PREOCUPAÇÕES, SÃO AS MESMAS. C/(Vídeo))

Apesar das obras que o Hospital Nacional da Guiné, foi alvo, num plano de remodelação que contou, com vários agentes cooperantes, inclusive da cooperação espanhola, o "Simão Mendes," ainda tem as mesmas dificuldades. A Pediatria, Maternidade, entre outros serviços, "sofrem" dos mesmas "falhas", tal como as conhecemos em 2009, aquando da reportagem que recordamos., nesta peça. Graças a essa reportagem, produzida para tele-documentário, este Hospital Central, tem recebido mais apoios da comunidade internacional. A Humanitarius, em colaboração com o CHBA (Centro Hospitalar do Barlavento Algarvio) e HDF (Hospital de Faro) entregou desde 2008 até 2010, muitas doações, desde Material de Cirurgia, 2 Blocos operatórios, um de Oftalmologia outro de Otorrinolaringologia, incubadoras e muitos outros equipamentos., assim como muitos berços de maternidade, camas de internamento, cadeiras de rodas e muitos outros. Mas...o "Simão Mendes", ainda precisa de mais apoios. Ora, com essa reportagem, estabeleceram-se outras pontes de contributo, outras organizações, têm disponibilizado ajuda, e é disso que se trata, num Hospital Central, onde depende de geradores para trabalhar, num país que ainda não produz electricidade. Recorde-mos essa reportagem, produzida pela Humanitarius, com a finalidade de contribuir para uma ponte de cooperação, entre todas as ONG's, ou Instituições que possam dar o seu contributo á saúde dos Guineenses. Obrigado, aos que responderam ao apelo desta peça de reportagem, que faz parte de um Documentário completo sobre a Expedição Humanitária na Guiné-Bissau.
Produção: Tempo-Real/Doctv Reportagem: João Almeida (Humanitarius) Agradecimentos aos doadores: CHBA, HDF, Municípios de: Portimão, Lagos, Albufeira e Lagoa.

Comentários

Mensagens populares