«No mundo, há gente notável!»

12/08/10

REPORTAGEM SOBRE "TUTOR Á DISTÂNCIA", MOSTRA O TRABALHO DA ONGD ATACA EM MOÇAMBIQUE

(Com Vídeo) Reportagem em formato televisivo, "Projectos & Contributos", aguarda para breve, sinal de emissão, onde mostra a frente de trabalho, dos voluntários da ONGD ATACA.
Por: João Almeida
Com o seu projecto Tutor á distância, as voluntárias desta organização com sede no Porto, serão as protagonistas, deste programa, mostrando no terreno, o que fazem pelas crianças e familias, no interior de Moçambique, desde há quatro anos. Desde o apoio á educação, saúde e até ajuda ao desenvolvimento nas comunidades, com construção de casas com maior dignidade, assim como construção de latrinas, são os detalhes principais da sua missão, em terras Moçambicanas. De Portugal, gente solidária apadrinha uma criança, contribuindo com uma verba anual, verba que vai direitinha para a familia da criança ao qual se destina o contributo. Esse processo tem o nome de Tutor á distância. A reportagem, realizada pela produtora Tempo Real Filmes, humaniza toda a história partilhada com as missionárias da Boa Nova, na missão de Ocua, provincia de Cabo Delgado - Moçambique.
O conteúdo do tele-documentário, será partilhado entre um canal de serviço público e um canal temático.
A produção do programa, autorizou a publicação sintetizada da grande reportagem, dado que o manifesto interesse do mesmo, é somente dar a conhecer, o trabalho realizado no terreno, assim como todo o trabalho realizado a partir de Portugal, pela generosidade e dedicação de muitos padrinhos, para com as crianças do interior Moçambicano.
A Humanitarius, promoveu em Ocua (Missão Católica), a entrega de vários equipamentos de apoio ao centro de saúde, com Marquesas, Carros de Higiene e tratamento, Ferros Cirurgicos, entre muitos outros donativos, destinados ás crianças, acompanhadas pela missão. As doações foram provenientes do Centro Hospitalar do Barlavento Algarvio (CHBA), Hospital de Faro (HDF), e ainda acompanhou o trabalho e o dia a dia, destas duas voluntárias Portuenses, da ONGD ATACA.
VEJA REPORTAGEM
(VIDEO 1) (VIDEO 2) (VIDEO 3)