«No mundo, há gente notável!»

25/11/08

O VÍDEO QUE MERECE DESTAQUE, JÁ VIAJA PELO MUNDO

Ao terceiro dia em Bissau, em Fevereiro de 2008, a reportagem do MEPT/HUMANITARIUS, foi conhecer a Associação de surdos mudos de Bissau. Os professores, que recebem formação em Lisboa para este tipo de ensino especial, acabam dando aulas a turmas de 30 alunos surdos-mudos, na Escola Salvador Alhende na capital guineense, apesar de todas as dificuldades. A "teimosia" destes professores é de louvar, dado que na Guiné, criança com este tipo de necessidade de ensino especial, está muito condicionada por várias razões.
Veja a nossa peça de reportagem, que já mereceu uma atenção especial da universidades como a de Aveiro, que tem ajudado esta associação com material para o ensino especial.
http://mept-africa.blogspot.com/2008/10/formar-profs-para-ensino-especial.html Reportagem: João Almeida (ANM) Africa News Magazine Link Aconselhado: almadeumaborboleta.blogs.sapo.pt/9090.html Foto: Alma de Borboleta

2ª FASE DO DOCUMENTÁRIO "OLHARES DE ESPERANÇA" VAI SER RODADO EM 2009

A ideia é produzir um trabalho equilibrado, e com um verdadeiro olhar de esperança sobre a Guiné. Depois oferecer os direitos a televisão, para dar visibilidade ás grandes carências sociais do país, e do trabalho das várias missões cooperantes no território.
Com um olhar muito atento e preocupado, a realização desta 2ª fase do documentário vai tentar mostrar, o outro lado de uma expedição humanitária. Depois da ajuda á educação, agora a saúde, é o alvo de todas as preocupações. Tal como aconteceu com o 1º Documentário, em que o projecto "Escola para todos" mostrou o lado humano de uma expedição, das escolas, das crianças, das pessoas e suas histórias de vida, o mesmo decorrerá, embora com outra roupagem, com a 2ª fase. O realizador João Almeida, e sua equipa, vão disponibilizar á RTP2, RTP/Africa, Odisseia, entre outros, o compacto documental, rico em testemunhos, em imagens da apaixonante Guiné interior e Bijagós. Vai mostrar numa visão equilibrada, a vida das populações, e suas dificuldades no acesso á saúde.

PROFESSORA E ALUNOS CRIAM O "NÓS E A GUINÉ"

Professora e alunos de escola do Cercal do Alentejo, dão vida a um projecto de cooperação inter-escolas, entre Portugal e a Guiné.
Um gesto de solidariedade, mas sobretudo um laço de amizade e esperança para com as crianças do interior guineense. O projecto, ainda está a ser trabalhado, mas a Humanitarius já mostrou disponibilidade em ajudar esta escola, no sentido de levar até ás crianças da Guiné, o "carinho" das crianças alentejanas. Dentro de dias, já será tornado público esse "Nós e a Guiné", que será integrado no apoio internacional de cooperação da Humanitarius.
O projecto "Nós e a Guiné" é da autoria da Profª Maria Luisa Ferreira, passa a estar enquadrado no projecto europeu "Escola para todos"/MEPT.
Foto: Arquivo / MEPT