«No mundo, há gente notável!»

30/12/08

ESCOLAS DO CERCAL DO ALENTEJO, ENVIAM UM SINAL DE ESPERANÇA NESTA MISSÃO

O exemplo que vem do Cercal do Alentejo.
Após uma troca de mail´s, a Profª Mª Luisa Fonseca, da Escola EB 1 do Cercal, mobilizou com a colaboração de outros professores, as suas escolas e alunos a ajudar uma escola na Guiné. Organizaram feirinhas, sensibilizaram a criançada a "apadrinhar" uma escola tradicional de Tabanca (aldeia) do interior mais recondito da Guiné. As crianças um destes dias, receberam o Coordenador de projectos na sua escola. Ouviram atentamente falar das dificuldades que os seus amiguinhos da Guiné têm. Viram um vídeo da expedição anterior e quiseram pôr mãos á obra.
Prepararam os seus donativos para que a Humanitarius possa fazer chegar em mãos á Guiné.
O projecto destas escolas (agrupamento), "Nós e a Guiné" está enquadrado no projecto Compartilha "Escola para todos". Juntaram-se aproximadamente uma centena de crianças, de várias escolas do agrupamento, para ouvir falar da Guiné-Bissau.
Fizeram perguntas, e quiseram fazer novos amigos.
Uma das escolas de Bambadinca vai ser "apadrinhada" por estes meninos e meninas.

RECOLHA DE ROUPAS E BRINQUEDOS PROMOVIDO PELO PADRE JESUÍTA ARSÉNIO DA SILVA

Roupas, Brinquedos e muito mais, são resultado de uma campanha promovida pelo Páraco Jesuíta Arsénio da Silva, destinado á Guiné-Bissau. Os donativos oferecidos por paraquianos de Portimão, destinam-se a zonas populacionais mais carentes da Guiné, sobretudo refugiados do conflito Casamansa, Buba, entre muitas outras localidades e tabancas onde quase nada chega de apoio social. Estes donativos, foram confiados á Associação Humanitária «Humanitarius», que vai deslocar-se uma vez mais á Guiné, desta vez com outros 3 projectos integrados, para levar material escolar a escolinhas no interior, requalificar um Centro de saúde em Buba, acabar um pavilhão escolar para 150 alunos, e ainda promover campanhas directas de sensilização sobre a água não tratada e saneamento basíco, numa altura em que a problemática da cólera tem sido um problema maior na região.
A outros donativos, junta-se também este que mostra a solidariedade real, em tempo de crise.
Recorda-se que a Humanitarius , precisa de Lençois para hospitais, tintas e vernizes, para o processo de requalificação do centro de saúde de Buba.
CONTENTOR DE 40 PÉS PARTE EM FINAIS DE JANEIRO RUMO A BISSAU
Numa altura em que se sucedem as campanhas para a ajuda pública á Guiné, confiadas á nossa associação, lembra-se que só poderemos receber donativos até 15 de Janeiro. Após essa data, é feito um levantamento geral e manifesto de carga, triagem, selecção e só depois o embarque por via maritima.
JOVEM ENGENHEIRA, VAI SER RECIBIDA POR ENTIDADES DO AMBIENTE EM BISSAU.
Rita Martins dos Santos vai juntamente com a equipa humanitária para promover, uma campanha sobre os problemas das águas contaminadas e as inexistentes redes de saneamento básico. A jovem vai ser recibida por várias representações que estarão presentes numa reunião magna, promovida pela Humanitarius em Buba, em que estarão presentes vários delegados de ONGs locais, ONU, IPAD, UE entre outros.