«No mundo, há gente notável!»

04/02/10

REDE AJUDA, PREPARA RECEPÇÃO AOS EXPEDICIONÁRIOS

A Rede Ajuda (R.A.), uma ONG Guineense, que lidera uma rede de instituições de apoio social na Guiné-Bissau, vai ser uma das três ONG's que irão assinar, protocolos de cooperação futura com a Humanitarius.
A Secretária-Geral da RA, Drª Alice Mané, esteve recentemente em Portugal, ficando portadora do "esboço" do protocolo a rubricar, onde se tornará parceira da Associação algarvia, que por sua vez, se arrolará a uma lista de doadores, ao seu país.
A Humanitarius, com o seu projecto "ALICERCE XXI", tem entre outras coisas, material hospitalar e suporte á saúde, assim como muitos donativos para a acção social, onde a Rede Ajuda, pode fazer "escuar" para quem mais precisa. Esta ONG, é reconhecida e apoiada pelo estado Português, e congrega cerca de 12 instituições na sua plataforma.
(Na foto), Alice Mané, no cerimonial de recepção aos expedicionários algarvios, em que o povo saiu á rua, para dar as boas vindas, a quem só um ano depois, (2009), levou um contentor de apoio social e ajuda humanitária a Buba. Para 2010, a R.A., prepara-se para receber, o expedicionários da "III Expedição Algarve-Guiné". Alice Mané, dirigente activa e dinãmica da R.A., é uma mulher reconhecida por Portugal, dado a tipologia de ajuda corporactiva que desenvolve, assim pela rede de influências que movimenta, em torno de uma causa, que é simplesmente o de contribuir, para o desenvolvimento do seu país.
Buba fica 200 Km de Bissau (Capital), só se tornou ligitimamente "geminada" com Portimão, após á mediação da Humanitarius, na altura (2008), ter sido solicitada uma celeridade de um nprocesso que parecia estar, em "Banho Maria".
O processo foi mediado e assinado, através de um contrato-programa, rubricado entre a Camara de Portimão e a Humanitarius, onde a Associação algarvia, foi nomeada "Observadora e mandatária" do acordo de geminação, que estava parado desde 2005, pelo governo da Guiné-Bissau, assim como pelo Administrador local (em 2008), Loa Nactarre.