«No mundo, há gente notável!»

13/04/10

"GESTOS DE ESPERANÇA" NA CASA EMANUEL

A visita marcante á Casa Emanuel, no dia seguinte á chegada a Bissau, de toda a equipa humanitária, da III Expedição Solidária Algarve-Guiné. Esse orfanato de referência em Bissau, acolhe centenas de crianças, alguns recém-nascidos, crianças que só ali, podem receber carinho, afecto, educação em suma...preparação para a vida. Contar a vida deste orfanato, daria uma super-reportagem. Merecida, é certo!
Pelo terceiro ano consecutivo, a Humanitarius envia um significativo apoio a esta instituição. Este ano será talvez, das maiores doações, merecedoras para o trabalho que ali se realiza, com cerca de 200 crianças. O seu hospital-maternidade está pronto, aos poucos está a ser apetrechado para dar ás mulheres, um parto com dignidade e assistência e a Humanitarius, vai ali no dia 19 de Abril, deixar uma marca que importa recordar.
Ainda antes da chegada do contentor, a equipa marcou sua presença, e foi da Madeira que chegaram, os primeiros "gestos de esperança".
video

CONTENTOR VAI SER ABERTO, COM A SUPERVISÃO DA HUMANITARIUS

Após o chegada da equipa expedicionária, que se viu forçada a regressar, sem ter tido a oportunidade de ver aberto o contentor, assim como assistir á distribuição das doações feitas pelos Portugueses, após várias tentativas para desalfandegar o mesmo, decidiu a coordenação geral de projectos da Humanitarius, delegar no responsável de projectos, a sua ida a Bissau para proceder á entrega ás entidades beneficiárias de todas as doações.
O contentor, vai entrar no Bairro da Cooperação Portuguesa ás 13h do dia 19 de Abril, quase um mês depois de ter chegado á Guiné.
Primeiro os "malabarismos" da papelada, depois da embaixada ter tudo tratado, taxas, encargos tributários pagos, o cenário alterava-se por completo, com a paralisação durante alguns dias, motivados pela "tentativa de golpe de estado". Por essa razão, porque o tempo passava e já não era possível continuar em compasso de espera, a equipa regressou a Portugal.
Entretanto a Cooperação Portuguesa, já informava da saída do contentor, que agora se confirma oficialmente.
A palavra de ordem, da Associação Humanitarius sempre foi de, nunca deixar para trás qualquer contentor. É uma responsabilidade que gostamos de assumir, saber como e a quem entregamos as doações, pese embora o contentor esteja sob a alçada da nossa Cooperação Portuguesa.
A garantia que sempre demos, de fazer chegar tudo o que nos foi confiado, é para manter, custe o que custar e a quem custar.
Dia 16 de Abril, voa para Bissau, João Almeida que irá conjuntamente com o Adido da Cooperação, fazer a entrega oficial de todos os donativos.
A Humanitarius, vai publicar um comunicado oficial seguido de conf. de Imprensa, após a abertura do contentor, a partir de Bissau, para que se conheçam as entidades beneficiárias de todas as doações.