Mensagens

A mostrar mensagens de Abril 12, 2010

CONFIANTES E DETERMINADOS, EQUIPA AGRADECE TODOS OS APOIOS

Imagem
AVENTUREIROS POR UMA CAUSA, DIGEREM OS MOMENTOS DE UMA VIAGEM QUE FICA PARA A HISTÓRIA...COM MUITAS HISTÓRIAS. (Cima) Artur Leitão, Pedro Cardoso, Rui Pinto, Augusto Carrega, Elisabeth Leal. (Baixo) Helena Duarte, João Almeida, Ana Lopes e António Inácio. Foto de João Aveiro. Já no regresso, a foto simbólica de parte do grupo, na saída de Bojador (Sahara Ocidental). A segunda viatura da expedição, transportou consigo, Augusto Carrega (Professor) e seguidor desta expedição, Elisabeth Leal (Técnica de saúde), João Aveiro e Rui Pinto (Condutor). A equipa agora regressada, faz um reconhecido agradecimento a quem os apoiou, numa grande expedição cheia de histórias, que serão motivo de conversas naturalmente, contendo momentos bons e menos agradáveis. Faz parte! Todos os motivos destas viagens, serão algo que farão parte de "Sonhos Frágeis", um livro que será publicado brevemente, com a assinatura de João Almeida. As experiências, vivências, culturas e tradições, os momentos emocionant…

"MISSÃO IMPOSSÍVEL" (Parte 1)

Imagem
Ninguém podia imaginar, que um novo desmaio "politico-militar", pudesse por em risco, uma vez mais, a missão da Humanitarius na Guiné-Bissau. A operacionalidade de toda uma equipa foi, completamente anulada no terreno, já para não falar da suspensão da abertura do contentor humanitário, embora temporária. É evidente, que ninguém ficou indiferente ao que se passou, quando após andados cerca de 6 mil Km, só se pensava em cada detalhe da nossa missão no terreno. O dia das mentiras, (1 de Abril), deixou aberta a "verdade da mentira". Sem que alguma vez tivesse-mos sentido alguma ameaça, o certo é que uma vez mais, a Humanitarius confrontou-se com o pesadelo do volátil sistema politico-militar, que cada vez mais fragiliza o país, em nada abona, aos olhos da comunidade internacional, que alguma vez se possa pensar em estabilidade, quando de volta e meia, as populações são confrontadas com crises de verdadeira instabilidade. Dia 3 de Abril, após uma reunião geral do grup…